Neste dia, são muitas as memórias que renascem no nosso coração. Memórias de quem já partiu, de quem não nos esquecemos, por quem choramos a sua nova morada e angustiamos um novo reencontro.
Neste dia de todos os Santos, por vezes, as lágrimas são inevitáveis e a tristeza invade-nos por dentro. A saudade cresce e as dúvidas reaparecem. Mas Tu, Senhor, não nos abandonas. A Esperança fortalece. A paz interior recompõe-se. Rezando, Tu respondes às nossas interrogações sobre o destino dos que já partiram. Tu trazes a Luz. Tu transformas este dia na verdadeira Festa da Ressurreição.
Obrigada, Senhor, porque só por ti este dia ganha sentido e por todos os Santos que se converteram ao teu Amor.